Quais são as principais dúvidas sobre o SASSMAQ?


Se você já conhece um pouco do universo das certificações, certamente já ouviu falar do Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Qualidade, o SASSMAQ. A norma, que foi criada pela ABIQUIM (Associação Brasileira de Indústrias Químicas), visa avaliar o real funcionamento das empresas que prestam serviços de transporte de produtos químicos perigosos ou não.

No entanto, por se tratar de uma certificação não obrigatória e que também conta com algumas divisões, é comum que existam dúvidas em relação o SASSMAQ. Pensando nisso, a blwinner listou algumas das principais questões que envolvem o Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Qualidade para que todos os benefícios da norma sejam compreendidos.

Dúvidas Frequentes 

Acompanhe, a seguir, algumas das principais dúvidas que rondam o universo da certificação SASSMAQ e, claro, as respostas para elas.

Como é o processo de certificação SASSMAQ?

O primeiro passo do processo consiste em uma avaliação feita pela ABIQUIM (Associação Brasileira da Indústria Química). Trata-se de um questionário que tem como principal função analisar o desempenho do fornecedor em questão e disponibilizar as opções de certificadoras habilitadas pela Associação. 

Existem seis áreas que fazem parte da abordagem feita pela ABIQUIM no questionário, são elas:

  • Planejamento das operações;
  • Gerenciamento;
  • Saúde, segurança e meio ambiente;
  • Segurança patrimonial e confidencialidade;
  • Equipamentos;
  • Inspeção local.

Quanto tempo leva o processo de certificação?

Após a realização da implementação dos requisitos normativos da norma SASSMAQ, que dura em média 06 à 08 meses aqui na blwinner, por incrível que pareça, o procedimento é realizado de forma simples e costuma ser rápido. Ele leva em torno de 30 dias, mas dependendo que o sistema seja realizado conforme todas as exigências. Além disso, existe também um passo a passo a ser seguido para a implementação. 

O planejamento é o primeiro passo, é o momento em que a empresa precisa aplicar algumas práticas que são exigidas para que a gestão dos sistemas de organização seja melhorada. Depois do planejamento, é feita a auditoria da certificação, a qual é realizada a partir de um checklist que avalia tudo o que foi implantado. Já a aprovação dos documentos da auditoria fica como o terceiro passo do processo, sendo o momento em que a certificadora envia todos os documentos da auditoria para a ABIQUIM. E, por fim, o último passo é a emissão do certificado SASSMAQ, que é feita pela Associação Brasileira da Indústria Química.

Quais são os principais pré-requisitos para a avaliação?

Em primeiro lugar, é preciso que a empresa tenha frota própria, com pelo menos um veículo e um motorista, além de contar com as licenças específicas, tais como:

  • Licença de operação;
  • Licença IBAMA, PF, PC e exército;
  • AVCB;
  • Alvará da prefeitura;
  • Registro na ANTT como ETC ou CTC.

Uma das dúvidas sobre o SASSMAQ que também é bem frequente e necessária ser destacada é que o Transportador Autônomo de Cargas (TAC) não é elegível para a certificação. O Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Qualidade só é implantado em empresas de transporte rodoviário de cargas – ETC ou CTC. ETCs, TCPs e Cooperativas.

Qual é o prazo de validade da SASSMAQ?

Depois da data de avaliação, a certificação SASSMAQ tem validade de dois anos. No entanto, por conta dos procedimentos que envolvem a aprovação, a emissão do termo que é feita pela organização responsável pela certificação, além da postagem dos dados no site da ABIQUIM, o prazo de divulgação no site pode ser estendido por mais 30 dias após o vencimento da certificação.   

A SASSMAQ é obrigatória?

A resposta é: não! Isso porque o Sistema de Avaliação de Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Qualidade não é de adoção obrigatória. Porém, é importante ressaltar que quando a empresa implanta o sistema, ela tende a alcançar patamares mais altos de visibilidade, confiabilidade e segurança quando comparada com outras empresas do mesmo ramo, por exemplo. 

De acordo com a ABIQUIM, “o SASSMAQ garante um certificado de boas práticas, no qual pré-requisitos definidos pela indústria e pelo mercado vão resultar em um relatório factual detalhado, representando a situação da empresa certificada naquele momento”.

Existem alguns motivos pelos quais a certificação SASSMAQ pode ser uma excelente escolha para transportadores que carregam produtos químicos perigosos e não perigosos. Alguns deles são a redução dos riscos de operações, um gerenciamento feito com qualidade, entre outros.

Qual o valor da certificação?

Não existe um preço fixo para a avaliação e para a certificação. A definição do custo acontece a partir de uma análise geral da empresa. É levado em consideração alguns dados, tais como tipo dos serviços prestados, estrutura da empresa e a quantidade de funcionários próprios e também terceirizados. 

Nenhuma dúvida a mais? É hora de certificar

Como vimos, existem diversas dúvidas sobre o SASSMAQ. No entanto, todas contam com respostas que tendem a ajudar as transportadoras a entenderem o sistema e buscarem pela certificação para melhoria e segurança das atividades.
E para que o processo se torne ainda mais simples e rápido, contar com uma empresa especializada em certificações é uma garantia de conquista do certificado ao final do processo. Precisa de uma mão? Conte com a blwinner e a consultoria online para atendimento a qualquer lugar e hora.

Comentários

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *